Pedido de Isenção da Inscrição do Enem 2018




Saiba como pedir a isenção da inscrição do Enem 2018, o cronograma e quem tem direito.

O Exame Nacional do Ensino Médio é uma prova realizada anualmente, no Brasil, para todos os estudantes que apresentam Ensino Médio concluído ou em curso. É um abridor de portas para universidades, sendo usados para a nota de vários vestibulares, e para o Sisu, Prouni e Fies, que são programas de ingresso à universidade (pública ou gratuita) e financiamento estudantil. Além disso, sua nota pode ajudar em intercâmbios para fora do Brasil, para acessar o certificado de conclusão do Ensino Médio, e muitos outros benefícios.

Nos últimos anos, o Enem vem apresentando mudanças na sua forma de aplicação, nas datas e também na inscrição. Veja como será a inscrição do Enem neste ano.


Calendário Enem 2018

Veja a seguir o cronograma de 2018 do Exame Nacional do Ensino Médio:

· Solicitação de isenção e justificativa de ausência: entre os dias 2 e 11 de abril;

· Resultado do pedido da isenção: a partir do dia 23 de abril;


· Apresentação dos documentos para a garantia da isenção: entre os dias 23 e 29 de abril;

· Divulgação da análise do recurso: a partir do dia 5 de maio;

· Inscrições: entre os dias 7 e 18 de maio;

· Aplicação do exame: nos dias 4 e 11 de novembro.

Inscrição

No dia 21 de março foi divulgado o edital do Enem de 2018. Nesta última segunda (02), foi aberto o prazo para a solicitação de isenção da taxa de inscrição, que pode ser realizado até a próxima segunda, dia 11/04/2018, pelo site do Inep (enem.inep.gov.br). Dentro deste prazo também pode ser justificada a ausência no último Enem. Para solicitar isenção da taxa de inscrição do Enem 2018, mas esteve ausente no último exame, é necessária essa justificativa.

O deferimento da isenção da taxa de inscrição não inscreve o aluno na prova. As inscrições para o exame precisam ser realizadas a partir do dia 7 de maio, até o dia 18 do mesmo mês.

Quem tem direito

Poderão solicitar isenção da taxa de inscrição, todas as pessoas que:

· Estão estudando o último ano do Ensino Médio em uma instituição de ensino, de rede pública, declarada ao Censo Escolar;

· Pessoas que cursaram todo o ensino médio dentro da rede pública de ensino, ou com bolsas integrais na rede privada e possuem renda per capta de até um salário mínimo e meio, no valor de R$ 1.431,00;

· Participantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica que possuem Número de Identificação Social (NIS) e renda familiar per capta de até meio salário mínimo, no valor de R$ 477. Ou renda familiar até três salários mínimos, que é R$ 2.862;

· Inscritos no Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja), do ano de 2017, que atingiram nota mínima para certificação.

Será exigida a apresentação dos documentos que comprovem vulnerabilidade ou inscrição NIS. Para as pessoas que se ausentaram na última edição do Enem, o aluno deve anexar documentos que justificam sua falta. Além da documentação, o INEP aconselha estar junto de seu CPF, RG, além de possuir um número de telefone fixo e celular e o cep da residência, durante as inscrições.

Resultado

A data prevista para a divulgação do resultado da solicitação de isenção será no dia 23 de abril. Dentre os dias 23 e 29 de abril será aberto o período para entrada de recursos para as isenções indeferidas, que é quando o interessado poderá de apresentar novamente os documentos que comprovam atenderem as características exigidas no edital.

Caso o recurso seja negado, ainda pode ser feita a inscrição, pagando a taxa de R$ 82,00.

Por Aurenivia Alves Pereira

Compartilhar:


Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *